Correção de Lóbulo de Orelha Bífido (fendido)

lobulo01Muito cuidado com os brincos!

O lóbulo das orelha é a única parte do ouvido que não contém cartilagem.  Como resultado, é muito mais delicado do que o resto do ouvido (que é apoiado pela cartilagem) e é passível de ser facilmente rasgado e deformado.

orelha03

Muitas mulheres têm recorrido à cirurgia de correção do lóbulo de orelha. Esta correção pode ser de apenas um furo do brinco mais alargado ou até o extremo de um lóbulo fendido (rasgado). Existem muitas técnicas descritas, como muitas opções para corrigir estes casos.

Geralmente o uso inadequado de brincos pesados, juntamente com outros fatores, como reações eczematosas (alérgicas de contato) ocasionadas pelos metais dos brincos, ocasionam o trauma, que a longo prazo, irá “rasgando” a pele  do lóbulo da orelha. Traumas externos, como puxada do brinco inadvertida ou não, podem também alargar ou mais comumente rasgar o lóbulo da orelha.

lobulo02

O peso do brinco que uma orelha suporta varia de acordo com características individuais. Portanto, não existe um peso pré-determinado capaz de provocar a alteração no lóbulo. Mas se por acaso o brinco provocar, de alguma forma, uma tensão na pele, substitua por um mais leve. Aposte no bom senso para identificar o brinco ideal e apropriado.

lob04

Brincos que causam reações alérgicas locais, como vermelhidão, secreção, descamação ou dor, devem ser evitados, pois estas reações com o tempo, vão causando enfraquecimento da pele e facilitando o “rasgo” da pele do lóbulo da orelha.

O lóbulo fendido pode ser reparado com a zetaplastia, com o tratamento de incisão e sutura ou ainda com a técnica de retalho. É o cirurgião plástico quem decidirá qual a mais indicada para cada caso.

Geralmente o método mais simples, com os melhores resultado é a simples incisão dos bordos da fenda no lóbulo, seguida de pontos simples.

lob05

Nos casos em que a fenda no lóbulo é muito grande, quase rasgando todo lóbulo, completa-se a separação, com retirada dos bordos da fenda, seguida de pontos simples.

A cirurgia é feita  sob anestesia local, a nível ambulatorial. São realizadas novas incisões de 1 a 1,5 cm de comprimento, com retirada das bordas fendidas, onde após realiza-se o fechamento com pontos simples.

lob06

O resultado definitivo é percebido seis meses após a cirurgia, quando a cicatriz fica no nível original da pele, tornando-se praticamente imperceptível.

O curativo deve ser trocado no dia seguinte conforme orientação médica, os pontos são retirados após sete a dez dias e é possível retornar as atividades normais no mesmo dia.

Usar brincos no pós-operatório imediato não é recomendável, pois podem causar traumatismo e prejudicar a cicatrização. Não é recomendável fazer novo furo na mesma região já que houve o rasgo e a pele afinou.

Algumas perguntas mais frequentes sobre fechamento do lóbulo bífido:

O que é correção de Lóbulo Bífido?

Correção da fenda causada por brincos pesados ou alargadores de orelha.

Qual a Indicação de Correção?

Homens e mulheres com lóbulo bífido e que desejam corrigir a largura do buraco do brinco ou o lóbulo rasgado.

Qual a Idade Recomendada?

Qualquer idade, desde de quando indicado.

Qual o Tipo de Anestesia?

Anestesia Local.

Qual o Tempo de Cirurgia?

Por volta de 30-40 minutos.

Qual é a Internação para Correção do Lóbulo Bífido da Orelha?

Não não há necessidade de internação.

Como é o Pós-Operatório?

Permanecer com o curativo fechado durante 1-2 dias, após retirar o curativo e tomar banho normalmente, não havendo mais necessidade de curativos. Não tomar sol na cicatriz por no mínimo 6 meses. Usar somente brincos de pressão por um período de 3 meses. Pode-se fazer um novo furo para os brincos após 3 meses de pós-operatório, sempre lembrando de não furar no mesmo lugar da correção.

Quando Verei os Resultados?

Após 30 dias já se tem um resultado imediato, bem natural e disfarçado. Os resultados definitivos serão vistos perto dos 6 meses de pós-operatório, onde a cicatriz ficará bem discreta.

A maior preocupação da maioria das pacientes que fazem a reparação do lóbulo da orelha é que o procedimento será desconfortável. Na realidade, é indolor.  Uma agulha muito pequena é usada para colocar algumas gotas de anestésico local na frente do lóbulo da orelha. Em poucos minutos, o lóbulo da orelha está completamente entorpecido, podendo ser realizado o procedimento.

Portanto deve-se dizer um não para o medo de fazer a correção do lóbulo da orelha.

Especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP)
Esta entrada foi publicada em Face, Pequenas Cirurgias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.